• (61) 3224-4205
  • (61) 3963-7515

Maranhão: Assembleia Legislativa defende concurso e condições de trabalho

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão requereu ao Executivo maranhaense a realização de concurso público para Procurador do Estado e para quadro de apoio para a PGE. O ofício encaminhado à Governadora Roseana Sarney reivindica ainda melhores condições de trabalho e de infraestrutra para a classe. A proposta de autoria do Deputado Estadual Edilázio Júnior (PV) foi defendida em plenário e aprovada pela unanimidade dos parlamentares.

No início do mês de maio, a ANAPE – representada pelo presidente Marcello Terto e o 1º Vice, Telmo Lemos Filho – esteve em São Luís e manteve ao lado do dirigente da ASPEM, Daniel Blume uma série de encontros com autoridades buscando conscientizar os poderes constituídos quanto aos problemas e dificuldades enfrentadas pelos Procuradores no Maranhão. Na ocasião o presidente do Legislativo maranhaense Arnaldo Melo, manifestou apoio ao pleito e assegurou que a Casa  adotaria os esforços possíveis para sanar os problemas através de projetos de lei, se necessário. “A discussão está aberta e estamos aqui à disposição para que qualquer projeto que chegue a esta Casa possa ser estudado e trabalhado sempre de forma que seja benéfica para toda a população”, garantiu Melo.

Após tomar conhecimento da iniciativa parlamentar e da aprovação unânime pela Casa, Blume voltou a reafirmar: “Não queremos aumentar o número de procuradores e sim preencher as vagas que já existem em aberto. Há uma década não existe concurso e mais de 15 procuradores já têm o direito adquirido e podem se aposentar a qualquer momento”, argumentou.